Fonte Automotiva JFA BOB Storm 12v Bivolt

A JFA Eletrônicos apresentou uma grande novidade para o mercado de som automotivo: a Fonte Automotiva JFA BOB Storm 12v Bivolt.

Ela conta com uma tecnologia diferente das utilizadas nos modelos Storm comuns da própria fabricante, possuindo capacidade nominal de 120a e 200a dinâmicos.

Essa capacidade dinâmica foi especialmente projetada para manter a alimentação de módulos amplificadores em seu consumo musical, que é quando o consumo de energia varia de acordo com as batidas de grave das músicas.

Deste modo é voltada para alimentar em um sistema de som automotivo residencial, conhecidas como Caixas BOB esponja, tocando as músicas sem a necessidade de baterias, com até 3800w rms, aproximadamente de módulos amplificadores.

Com isso, a grande vantagem do modelo BOB Storm, fica em sua ótima relação custo benefício.

Ela ainda possui saída ajustável, de 12 à 15v, por meio de um potenciômetro com leds indicadores de tensão de saída, para facilitar o uso.

Com essa tensão, apesar de ser voltada para instalação diretamente no módulo, a BOB Storm também consegue ser utilizada junto com uma bateria, com capacidade nominal de 120 amperes e até mesmo carregar a bateria do sistema de som.

Porém, não tem algumas funcionalidades que facilitam a carga ou utilização no sistema de som, presentes nos modelos Storm comuns, como o voltímetro e amperímetro, a função de diagnóstico de bateria, tecnologia SCI e modo carga lenta, o que proporciona como dito, um preço final mais atrativo a Bob Storm.

Montada em carcaça de chapa de aço, segue o mesmo design da linha de fontes storm, possui botão de ajuste tensão na parte superior, e disjuntor na parte lateral, proporcionando praticidade na utilização.

Possui laterais injetadas em policarbonato anti-chamas ficando robusta e resistente, com led indicativo da das conexões.

Para ter ótima eficiência, conta com dissipador interno de alumínio e ventoinhas integradas, com o sistema smart cooler, sendo acionados de acordo com a necessidade da fonte, proporcionando um funcionamento mais silencioso e aumentando a vida útil do componente.

Na questão de segurança e durabilidade, possui Proteções contra Excesso de carga, Curto na saída e Temperatura.

Veja informações da fábrica:

A Bob Storm é um recurso utilizado em projetos que não exigem um número tão alto de funcionalidades, é o caso das Caixas Bob.

Foi pensando nisso que a JFA criou a Bob Storm 200 uma fonte específica para você que quer sobretudo, simplificar o seu projeto de sua caixa bob.

Seu principal diferencial é que o seu uso dispensa a necessidade de uma bateria para funcionar, mantendo a mesma performance. Veja suas principais características.

●Função Storm que indica que a fonte está operando em seu mais alto potencial com tensão de saída para 15V.

●Design harmônico que permite a adaptação da Bob Storm em projetos de forma compacta.

●Mantém até 3800 WRMS de som tocando.

Especificações técnicas:

  • Entrada90 a 140Vac / 170 a 240Vac (Bi-volt automático
  • Consumo nominal / dinâmico1800W / 3000W
  • Função BOB-STORMPotência nominal 120 Amperes
  • Função BOB-STORMPotência dinâmica 200 Amperes / 2 seg
  • Função BOB-STORMPotência de pico 300 Amperes
  • Tensão de saída ajustável12 a 15V
  • Smart cooler – Sistema de ventilação inteligenteControle dinâmico por PWM
  • Proteções Excesso de carga / Curto na saída / Temperatura
  • Dimensões L x A x P (mm)279 x 163 x 86
  • Peso Kg2,000

Como escolher a potência de fonte correta para meu sistema de som automotivo?

(clique no link e veja o post completo)

Qual a diferença de Fonte de Som Automotivo para carregador de bateria?

As fontes para som automotivo, geralmente: – São mais Fortes (mais amperagem de carga, ou seja, carga rápida); – Não gera interferência no som; – Mandam uma voltagem mais alta (ex: 14,4v, o que é perfeito para competidores).

Como instalar uma fonte de som automotivo?

Geralmente as fontes não vêm de fábrica com os cabos conectores para a bateria, pois a distância para as baterias variam muito. Ou seja, primeiramente verifique se a sua fonte possui tal cabo, se não, utilize cabos com a bitola especifica no manual. Pode utilizar jacarés nas pontas para facilitar o carregamento. – Para maior segurança, coloque um disjuntor ou fusível no cabo positivo, de acordo com as especificações do fabricante.

Como dito no post, existem 3 formas de utilizar as fontes, vamos mostrar como instalar:

Instalando a fonte para utilizar ela alimentando diretamente o módulo amplificador:

  • Coloque um cabo na saída de alimentação da fonte no pólo positivo, e ligue a outra ponta do cabo na entrada positivo do módulo amplificador;
  • Coloque outro cabo na saída de alimentação da fonte no pólo negativo, e ligue a outra ponta do cabo na entrada negativa do módulo amplificador;
  • Coloque um fio na saída remoto do modulo amplificador, e ligue a outra ponta na saída positiva da fonte ou do próprio módulo. Entenda: o remoto é uma entrada de energia 12v que somente avisa para o módulo que é para ligar, assim que conetar o fio e a fonte estiver na tomada, ele vai ligar (pode colocar um plug liga/desliga para ativar e desativar o módulo, mas a fonte continuará ligada).
  • Ligue a fonte na tomada.

Instalando a fonte para utilizar ela auxiliando a bateria a alimentar módulo amplificador:

  • Coloque um cabo na saída de alimentação da fonte no pólo positivo, e ligue a outra ponta do cabo na entrada positivo da bateria;
  • Coloque outro cabo na saída de alimentação da fonte no pólo negativo, e ligue a outra ponta do cabo na entrada negativa da bateria. Segunda opção: Inves de ligar a outra ponta do cabo negativo diretamente da bateria, aterre-o no chassis (o problema é que ter mais um ponto de aterramento no carro pode gerar ruídos e deixa a instalação “menos profissional”);
  • Lembre-se: Para a fonte carregar a bateria corretamente com o sistema ligado, é necessário que a bateria esteja aterrada corretamente.
  • Veja como instalar um módulo amplificador.
  • Ligue a fonte na tomada.

Posso ligar a fonte diretamente no módulo amplificador, mesmo com a bateria auxiliar?

Pode, se a bateria estiver muito longe da bateria é uma boa opção, porém pode gerar ruídos no sistema se o módulo não estiver com a bitola correta ou mal aterrado.

Coloque a fonte em um suporte de madeira ou algo parecido, o ideal é não instalar ela diretamente no chassis, senão poderá levar pequenos choques ao encostar no carro ou gerar ruídos no sistema.

Instalando a fonte para carregar a bateria:

  • Coloque um cabo na saída de alimentação da fonte no pólo positivo, e ligue a outra ponta do cabo na entrada positivo da bateria;
  • Coloque outro cabo na saída de alimentação da fonte no pólo negativo, e ligue a outra ponta do cabo na entrada negativa da bateria;
  • Ligue a fonte.
  • Dica: caso a fonte automotiva seja muito forte, pode diminuir a tensão de saída e depois ir aumentando ao poucos, para que a carga “fique melhor”.